A realidade duma ilusão

A qualidade de ser real é existir, se a ilusão existe ela é real.

Tudo o que é existe. Tudo o que pode vir a ser existe no imaginário. Todas as ideias são reais, mesmo que sejam ilusórias.

Enganamo-nos a nós mesmos usando aquilo que percepcionamos do mundo real. Enganamos os outros quando usamos as nossas realidades ilusórias com um intuito.

Sobre a Realidade:

Realidade (do latim realitas isto é, “coisa”) significa no seu uso comum “tudo o que existe”. No seu sentido mais livre, o termo inclui tudo o que é, seja ou não perceptível, acessível ou entendido pela ciência, filosofia ou qualquer outro sistema de análise.

Realidade significa a propriedade do que é real. Aquilo que é, que existe. O atributo do existente.

O real é tido como aquilo que existe, fora da mente. Ou dentro dela também. A ilusão, a imaginação, embora não esteja expressa na realidade tangível (fora da mente), existe ontologicamente, ou seja: dentro da mente. E é portanto real, embora possa ser ou não ilusória.

A ilusão quando existente, é real e verdadeira em si mesma. Ela não nega a sua natureza. Ela diz sim a si mesma. Existe dentro da mente e fora dela. Existe como ente imaginário idealizado. (adaptado de Wikipédia – Definição de Realidade)

#####

Deixem aqui os vossos comentários ou enviem e-mail para: sara.g.farinha@gmail.com

Anúncios
Esta entrada foi publicada em Teaser com as etiquetas , , , . ligação permanente.

Deixem aqui os vossos comentários ou enviem e-mail para: sara.g.farinha@gmail.com

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s